GPS Lifetime GPS Lifetime

Sarah Jessica Parker inaugura primeira store de grife de sapatos

Sarah Jessica Parker inaugura primeira store de grife de sapatos
photo Reprodução

A atriz fez questão de participar da abertura da loja e assinar cada modelo comprado por fãs. O décor da loja foi inspirado no closet de Carrie Bradshaw - protagonista de Sex and the City

 

Quando Sarah Jessica Parker não está ocupada em projetos de cinemas, na preparação para atrair os flashes de mais um red carpet ou como protagonista de campanhas de grife de luxo, a atriz direciona toda a expertise para a sua marca de sapatos, a SJP Collection. Criada em 2014, a label não tinha uma loja para chamar de sua até quarta, 13. A primeira store da etiqueta acaba de ser inagurada no distrito de South Street Seaport, em Manhattan. Ao adentrar no espaço fashionista, as clientes se sentiam no closet da eterna Carrie Bradshaw - personagem icônica interpretada por Sarah. Nas paredes, as prateleiras gigantes dividem espaço com quadros do universo da moda. 

Antes do horário de inauguração, fãs da estrela de Sex and the City fizeram fila na porta da boutique. Para alegria dos fidèles, a atriz fez questão de estar presente e receber a primeira clientela. Inspirados nos sapatos que Carrie usava no seriado, o portfólio da grife inclui scarpins de diferentes modelos, tamanhos e texturas. Sem contar os modelitos coloridos e brilhosos. Dourado, vermelho, rosa millennial, preto, branco, cobre surgiram nas prateleiras com formato aberto e salto baixo. Em entrevista à Vanity FairSarah contou que não criou a coleção para uma mulher em particular. Ela afirmou que a figura feminina ideal da SJP Collection aprecia usar um bom sapato. 

“Honestamente, o cliente dos sonhos é a mulher na rua. Ela é a pessoa para quem estamos fazendo esses sapatos, ela é a pessoa que me deu a oportunidade de começar, ela é a pessoa que precisamos agradar ”, disse a atriz. “Há todo tipo de pessoas muito famosas e sofisticadas no mundo, mas não posso contar com elas para vir e ser uma cliente fiel. Estamos no negócio de fazer as mulheres se sentirem realmente animadas para gastar seus dólares suados, e sentindo que somos dignos desses dólares. . . ou euros. . . ou libras", destacou Sarah durante a entrevista.

A paixão da fashionista pelas pessoas que adquirem as suas criações é visível. Além de assinar as iniciais SJP e um coração em cada modelo comprado, ela ajudou a colocar os pares nos pés das clientes - em alguns casos, fãs. As apaixonadas pela atriz puderam ainda bater um papo com ela, tirar fotos e degustar um sorvete de um carrinho personalizado com o nome da fashionista. 

É fã de Sarah Jessica Parker, vale à pena fazer uma visita e compras na boutique. A concept store está localizada na 6 West 52 Street. Imagina desfilar em solo brasileiro um par de sapatos à la Carrie Bradshaw

 


Kakay celebra casamento em Arraial d'Ajuda

Kakay celebra casamento em Arraial d'Ajuda
photo Cortesia

Durante os votos de felicidades aos noivos, célebre jurista homenageou a mulher, Valéria

 

A pedido dos pombinhos, o renomado advogado Antônio Carlos de Almeida Castro, conhecido como Kakay, celebrou a união de Bibi Moura e Frederico Vilaça nesse sábado 22, em Arraial d'Ajuda, Bahia. De clima bucólico, a cerimônia contou com a presença de 300 convidados, e foi de emocionar. 

Para tornar o momento especial, Kakay imprimiu, para cada invitado, três poesias, incluindo Eros e Psique, de Fernando Pessoa. Logo no início do discurso, o jurista pediu para que todos o acompanhassem na leitura dos versos. 

Após o coro, o orador discorreu sobre o amor, a solidariedade, a paixão e a importância da individualidade em um relacionamento a dois. Também prestou homenagem a mulher, Valéria, desejando aos recém-casados a mesma felicidade que vivencia ao lado da amada. 

Abaixo, confira o discurso na íntegra. 

"É muito difícil falar sobre o amor para pessoas tão jovens. Mas eu vejo na Bibi e no Frederico um amor maduro, se é possível falar em maturidade na idade deles. Mas o amor, queridos, não tem que ter a densidade da maturidade, basta-lhe a densidade dele em si. E não estou a dizer do amor pelos pais ou, meu Deus, pelos filhos, falo do amor carnal, do desejo, da paixão, da angústia da falta, da ansiedade do toque, do cheiro... deste amor que mantém a humanidade, que reproduz, que fragiliza mas eterniza. Conheci, Bibi e Frederico, este amor maduro na Valéria e, se eu puder desejar algo a vocês dois, desejo que sejam felizes como eu sou com ela, todos os dias da minha vida. Tesão, respeito, solidariedade, paixão fazem a hipótese da vida a dois. A melhor maneira de ter uma vida de casal, talvez a única, é ser inteiro e ter uma vida própia. Nunca abrir mão dos sonhos, dos delírios e não achar que tudo tem que ser vivido a dois. A solidão faz bem. É um direito nosso. Mas, se eu não tivesse encontrado a Valéria, meus momentos de solidão seriam pesados e não intensos e felizes como são. Quero para vocês a alegria que eu tenho de compartilhar o mundo com esta mulher, de aprender todos os dias com ela. E, quando os Ericos chegarem, nesta materialização do amor indizível, quero que vocês continuem a ser um casal apaixonado, dedicado, entregues ao amor a dois. Ser feliz é uma conquista diária, as vezes árdua, mas vale a pena. E nós temos, sobre nossas vidas, o manto celeste que nos abriga e protege. É uma alegria compartilhar este momento com vocês". 

Valéria e Kakay, eternos enamorados