GPS Lifetime GPS Lifetime

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha
collaborated Redação
photo Luara Baggi

Não teve tempo ruim e quem queria curtir uma música eletrônica de qualidade amanheceu no Estádio Nacional Mané Garrincha. Em turnê pelo Brasil, os premiados DJs Vintage Culture e Martin Garrix - o show mais aguardado - agitaram a noite de sexta-feira, 16, e foram até o sol raiar. O brasileiro e o holandês dividiram as picapes e colocaram todo mundo para dançar. 

O GPS|Lifetime conferiu cada detalhe. Confera os cliques!



Galeria de fotos
Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Amanda Mariz Holanda

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Ju Rodrigues, Fernanda Amaral e Betania Venancio

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Sarah Neery

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Sabrina Alves e Mc Maha

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Rodolfo Lira e Sofia Muller

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Rick e Gabi Emediato

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Renata Goulart, Iana Fonte Boa e Fernanda Vieira

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Renata Carvalho e Kakau Lossio

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Mari Weber e Zeh Santos

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Luisa Lima, Theodora Zaccara e Matheus De Rossi

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Kakau Lossio

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Joyce Silva e Ariadna Barbosa

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Anna Clara Martins e Ivana Rabelo

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Isabella Neves e Lorena Reis

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Giovanna Adriano e Eduardo Mujica

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Gabriel Aquino, Nath Resende e Fabrisio Sales

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Gabi Emediato

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Eduardo Coelho

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Duda Maia e Felipe Fiotti

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Disstinto e Pedro Lemos

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Caroline Rodrigues e Rayane Matos

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Bruno e Stela Sartorio

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Bhaskar e Rick Emediato

Martin Garrix e Vintage Culture agitam Estádio Mané Garrincha

Tassi Peret e Diego Barcelos


Nota Legal: quem tem veículo ou imóvel poderá resgatar crédito

Nota Legal: quem tem veículo ou imóvel poderá resgatar crédito
collaborated Agência Brasília

Projeto do governo de Brasília aprovado pela Câmara Legislativa permite ainda que consumidor com isenção tributária receba o valor em conta-corrente ou poupança

 

O programa Nota Legal terá mais uma opção de resgate para os contribuintes que têm veículo ou imóvel. Eles também poderão retirar os créditos acumulados em dinheiro.

A mudança está no Projeto de Lei nº 2.158, de 2018, de autoria do governo de Brasília, aprovado pela Câmara Legislativa na segunda-feira, 17.

Por ora, os consumidores que possuem tais bens só utilizam o benefício para abater valores no Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) e no Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU). A partir da sanção, a quantia poderá ser transferida para conta-corrente ou poupança.

O mesmo valerá para quem tem isenção tributária. Por exemplo, pessoas com deficiência isentas do pagamento do IPVA. Nesse casos, era comum que elas perdessem os créditos do programa.

Outra mudança será a retirada da indicação de créditos para terceiros. Ou seja, da possibilidade de informar o CPF de outra pessoa para transferir valores.

De acordo com a Secretaria de Fazenda, a medida visa combater fraudes. Em janeiro, 347 contas do programa foram hackeadas. “O crédito indo apenas para o CPF do consumidor fecha a porta da fraude”, opina o secretário da pasta, Wilson de Paula.




De acordo com ele, os mecanismos de segurança do programa foram aprimorados. “Temos monitoramento de altos volumes de transferências, de veículos e imóveis que recebem créditos de titulares diferentes e de recuperação de senha”, lista.

Em 2018, mais de 356 mil consumidores resgataram R$ 57,03 milhões em créditos para diminuir os custos com IPTU e IPVA. Outros 16 mil indicaram a conta-corrente ou poupança para depósito — somando R$ 6,6 milhões.

Nota Legal foi criado em 2008 com o objetivo de estimular o consumidor a exigir o documento fiscal nas compras de mercadorias e serviços. A intenção, com isso, é contribuir para o combate à sonegação e munir o governo de informações essenciais à cobrança regular de impostos.